O candidato que necessitar de atendimento especial preenche requerimento indicando os recursos especiais necessários, até o último dia de inscrição, nos Protocolos dos Campi de Guarapuava, Irati, Chopinzinho, Coronel Vivida, Laranjeiras do Sul, Pitanga ou Prudentópolis, juntamente com laudo médico, que justifique o atendimento especial solicitado.

O atendimento especial aos inscritos com deficiência visual constitui-se, conforme o caso, em:

a) Provas impressas, elaboradas de forma ampliada;

b) Ledor para o deficiente visual total.

A prova de Redação deve ser feita em braille, pelo candidato.

Os inscritos com deficiência auditiva têm o auxílio de um intérprete da Língua Brasileira de Sinais – LIBRAS, durante a aplicação das provas, desde que formalizem a solicitação.

Será concedida BANCA EMERGENCIAL ao candidato que sofra imprevisto às vésperas ou nos dias de provas (acidente, doença súbita, parto ou outro). Somente serão atendidos os casos comunicados até o horário de início das provas. A banca será instalada no Campus ou em instituições como: hospital, posto de saúde, etc., somente na cidade indicada pelo candidato para realizar as provas, sendo vedado o atendimento, sob qualquer hipótese, fora da cidade indicada, em domicílio ou em local privado.